Esporte

Amazônia ao Extremo estará no I Congresso Brasileiro de Trilhas em Goiânia que acontece de 25 a 29 de maio

A equipe da empresa especializada no turismo de aventura no Amapá, Amazônia ao Extremo já está de malas prontas para partirem para I Congresso Brasileiro de Trilhas, que acontecerá em Goiânia – GO, no período de 25 a 29 de maio.
Durante a semana passada a equipe do Amazônia ao Extremo esteve em reunião de alinhamento com a diretoria do Sebrae-AP, para o apoio a ida ao congresso, estão dando o suporte e as passagens para a viagem.
O I Congresso Brasileiro de Trilhas, segundo o diretor estratégico da Amazônia ao Extremo Franco Montoril, será a ferramenta estruturante para a integração e capacitação dos atores envolvidos na implementação das Trilhas de Longo Curso no território nacional.
“A X-Trilhas é a primeira feira exclusivamente voltada para o segmento de trilhas no Brasil. O evento, que vai acontecer junto ao 1º Congresso Brasileiro de Trilhas, vai apresentar as novidades do setor de turismo outdoor com a presença de entidades de governança, gestores e empresas que atuam no segmento de aventura, esportes e experiências ao ar livre, com opções diversas em todas as regiões do país. É uma excelente oportunidade para se conhecer melhor sobre os destinos, percursos e opções de aventuras pelas melhores trilhas do Brasil e do mundo”, informa.

De acordo com Franco com a RedeTrilhas, trechos adicionais e novas trilhas deverão seguir padrões de mapeamento e identificação. Assim trazendo mais segurança para os turistas e usuários, que poderão contar com padrões de estrutura e acesso contemplados. “Vão da indicação de pontos de interesse turístico, como lagos e cachoeiras, a bases para pernoite, alimentação e outros pontos de apoio. O Amapá não possui trilhas cadastradas no mapa nacional de trilhas”, relata.
O foco da Amazônia ao Extremo é inserir o Amapá na rede nacional de trilhas, que hoje tem mais de 5 mil km em trilhas. A REDE tem por princípio três pilares básicos: (1) Conservação, (2) recreação e saúde e (3) geração de emprego e renda no meio rural. Nossa meta é implementar trilhas sustentáveis, que gerem renda, proporcionem muita satisfação e acesso a um estilo de vida saudável e sirvam de ferramenta para a conservação da natureza e, assim, almejamos ser uma referência mundial no “conhecer para conservar”.

Empresa de aventuras
Amazônia ao Extremo é uma empresa especializada no turismo de aventura no Amapá, faz parte da ABETA – Associação Brasileira de Turismo e Aventura. Sua atual direção: Fábio Alex – Diretor Administrativo Marcio Castro – Diretor Operacional Franco Montoril – Diretor Estratégico.
São especialistas em esportes radicais e consultoria técnica, estabelecerão em Macapá desde 2005, agindo de forma estruturada na educação ambiental, na condução dos esportes em si e no atendimento corporativo, através de ações que atendam o máximo de públicos possível, trazendo lazer, qualidade de vida, e entretenimento para a população do estado e seus visitantes com foco no turismo de base comunitária.
Contam com uma equipe de instrutores – militares e civis – atentos à evolução dos esportes radicais e de aventura. “Nossos conhecimentos permeiam as áreas de montanha, selva, matas, ambientes aquáticos, de fácil ou difícil acesso. Destacamo-nos nas áreas de resgate em ambientes hostis (mata e altura), rapel (cursos e descidas), Arborismo, Arvorismo, atendimento pré-hospitalar, sobrevivência (adaptação à vida na mata) e navegação terrestre (bússolas, GPS e coordenadas)”, explica Fábio Alex, diretor administrativo.
Suas bases de campo situam-se no paredão (localidade do onça), Mazagão, tendo sua matriz na cidade de Macapá – Rua Alessandro B. Guerra, 171, Araxá.

Reunião de alinhamento com equipe apoiadora do turismo do SEBRAE AMAPÁ

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo