Polícia

Idoso é preso ao praticar estupro de vulnerável em criança de 6 anos

Agentes da Delegacia da Infância e Juventude de Laranjal do Jari(DIJLJ), prenderam em flagrante um idoso de 62 anos, acusado de ter praticado em tese, o crime de estupro de vulnerável contra a filha de sua enteada, quem tem apenas 6 anos.
O Delegado Aluisio Aragão Jr., responsável pelo caso, declarou que o fato ocorreu na casa do acusado, no último dia 31.
“A criança havia saído da casa do pai com destino à casa de sua mãe, que são bem próximas, no entanto, ela não chegou ao destino no tempo em que deveria. Logo, os pais começaram a procurar desesperadamente pela filha questionando se os vizinhos a tinham visto. Eles bateram na porta da casa do indiciado, que é no caminho entre a casa deles. Demonstrando bastante nervosismo, o indiciado disse que que a criança não estaria lá, mas a mãe da criança decidiu entrar na casa e encontrou a filha sozinha lá dentro com ele ainda muito abalada. No caminho de volta para casa, a vítima relatou aos pais que o indiciado a atraiu para dentro de sua residência lhe oferecendo bombons e lá dentro tirou sua roupa e praticou diversos atos libidinosos com ela e que não teria sido a única vez, pois, já estaria acontecendo com frequência. A criança relatou ainda que, o indiciado, sempre lhe ameaçava dizendo que se ela contasse para alguém, lhe cortaria o pescoço e iria lhe enterrar no quintal”, explicou o Delegado.
Os pais da vítima foram à delegacia e denunciaram o crime e, de imediato, o Delegado e equipe iniciaram as diligências e prenderam o acusado em flagrante.
O homem preso, a quem a vítima chama de avô, nao teve o nome revelado. Ele não tem passagem pela Polícia e em seu interrogatório, negou a prática delitiva. Após audiência de custódia, foi decretada a prisão preventiva do acusado.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo