Polícia

Em Oiapoque: Francês é preso acusado de exploração sexual de adolescente

Um homem de nacionalidade francesa, foi preso em flagrante pela Polícia Civil de Oiapoque, acusado de explorar sexualmente uma adolescente. O fato aconteceu na madrugada deste domingo, no decorrer da Operação Maio Laranja do Poder Judiciário, que visa combater a exploração sexual de crianças e adolescente naquele município.

De acordo com Charles Corrêa,delegado titular daquela cidade, o suspeito que reside em Caiena, marcou um encontro com uma menor através das redes sociais.

“Ele foi flagrado dentro de um hotel, onde ele atraiu à prostituição essa adolescente de 17 anos de idade. Eles tinham combinado esse programa sexual pelas redes sociais. Descobrimos que ele iria pagar o valor de R$ 200 à jovem. Após a prisão tivemos acesso ao celular dele, onde encontramos diversas conversas com outras brasileiras, em outras ocasiões. São mensagens de textos e áudios promíscuo, onde ele oferecia valores de 300 até 600 reais a elas. Ou seja, ‘contumais’ nessa prática”, relatou Corrêa.

Ainda de acordo com a autoridade policial, o acusado também estava oferecendo bebida alcoólica a menor. Para a polícia, não há dúvidas que o francês era acostumado a praticar turismo sexual – ação recorrente na fronteira do Brasil com a França.

“Infelizmente, isso é comum. Mas, estamos aí para proteger essas crianças, esses adolescentes. Continuaremos fortalecendo esse apoio a Rede de Proteção a Criança e Adolescente. Em outro ponto, prendemos um homem que estava fornecendo bebida para um menor de 14 anos, num baile aqui em Oiapoque. Conduzimos ainda alguns adolescentes que estavam em horários e em locais impróprios” disse o delegado.

As operações de combate a exploração sexual de menores acontece desde o início do mês. A Polícia Civil do município de Oiapoque, juntamente com o Conselho Tutelar, atuam em campanhas educativas e repressivas. Diligências e fiscalizações são feitas em vários pontos da cidade, conhecidos pela prática criminosa.

As cumunidades ribeirinhas, distantes da sede daquela cidade, também estão sendo alvo da operação. Este fim de semana, palestras sobre a campanha foram realizadas em uma região conhecida como Taparabu.

Áreas ribeirinhas, distantes da sede do município, também estão sendo alvos da operação

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo