AmapáCovid-19

Em Pedra Branca, diretora da Unidade Mista recebe dose de CoronaVac, sem ser prioritária

Em nota, SESA orientou a abrir procedimentos administrativos para apurar o ocorrido e tomar as medidas que porventura sejam necessárias, encontradas condutas incompatíveis

Na última terça-feira, 19/01, os municípios do interior do Amapá receberam o primeiro lote com doses de vacinas contra a Covid 19. Desse total, foram destinadas para Pedra Branca, 82 doses do imunizante, sendo 35 para o Centro de Covid que é de responsabilidade da Prefeitura e 47 para a Unidade Mista, de responsabilidade do Estado. A diretora da Unidade Mista, Fátima Mira, que não atua no enfrentamento ao Covid-19, foi imunizada sem pertencer ao grupo prioritário.

Como previsto nesta primeira fase de imunização, por conta das poucas doses disponíveis nesse primeiro momento, apenas os profissionais da Saúde que estão na linha de frente foram contemplados. Segundo informações de moradores, a diretora da unidade, teria tomado a CoronaVac mesmo não estando na linha de frente. “Se pedirem a lista das pessoas vacinadas vai aparecer o nome da gestora, ela ainda estava comemorando por ter sido imunizada, e eles não trabalharam com pacientes de Covid”, relatou a moradora.

A redação tentou contato com a diretora da Unidade, mas não teve resposta.

Em nota, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) informou que orienta todas as suas unidades a cumprirem rigorosamente o que estabelece o Plano Estadual de Vacinação.

Diante dos fatos, orientou a abrir procedimentos administrativos para apurar o ocorrido e tomar as medidas que porventura sejam necessárias, encontradas condutas incompatíveis.

A Sesa reitera que as Unidades Mistas de Saúde (UMS) são portas de entrada, tanto para pacientes com suspeita ou confirmados de covid-19 nos interiores.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo