Polícia

Polícia X Bandidos: Roubo, perseguição e tiroteio resultam na morte de três criminosos na Zona Sul de Macapá

A ocorrência teve início por volta das 14h deste domingo, 21, depois que quatro indivíduos, fortemente armados, praticaram um roubo em um estabelecimento comercial localizado no distrito de Fazendinha. Dali foram levados cerca de R$ 7 mil em dinheiro.

O ato criminoso foi presenciado por um policial que estava à paisana que, de imediato, informou as características dos assaltantes e a placa do veículo que eles estavam ao Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciodes). O policial também fez o acompanhamento tático do bando e a todo momento informava o percurso que eles faziam.

Equipes do 1° Batalhão da Polícia Militar avistaram o carro, um prisma de cor vermelha, na 7° avenida do bairro Congós – Zona Sul de Macapá. Os militares fecharam o cerco contra a quadrilha e ordenaram que os suspeitos parassem o veículo. O comando não foi obedecido e eles continuaram empreendendo fuga.

Prisma utilizado para a prática de vários crimes

“Nossas equipes tentaram de todas as formas fazer a abordagem, ordenando que eles parassem. Foi dado sinal sonoro e eles não se entregaram, continuaram fugindo”, contou o capitão Alexsandro da Divisão de Relações Públicas e Imprensa (DRPI) do 1° BPM.

Ao chegarem na rua Carlos Drummond de Andrade com a 19° avenida, os criminosos ficaram sem saída e decidiram abrir fogo contra os policiais. Duas viaturas foram atingidas pelos disparos. Os PMs então revidaram a agressão e iniciou uma intensa troca de tiros.

Viatura do 1º Batalhão atingida pelos tiros

Três bandidos foram alvejados. Zaqueu Eduardo Vasconcelos, de 15 anos de idade, morreu na hora. Dentro da cueca dele estava parte do valor roubado horas antes. Patrick Souza Alfaia e Fábio Bernardo de Melo Dias, chegaram a ser socorridos e levados para o Hospital de Emergências (HE), onde Patrick Alfaia morreu minutos após ter dado entrada. Já Fábio, o “Táz”, passou por um procedimento cirúrgico e continua em observação.

O quarto indivíduo conseguiu empreender fuga, adentrando uma área de mata, mas acabou cruzando com uma equipe do Grupo de Intervenção Rápida e Ostensiva (Giro) do Batalhão de Operações Especiais (Bope). Ruan Rodrigues da Silva, de 29 anos de idade, não se entregou e atirou nos policiais. No revide, ele acabou baleado. O bandido foi socorrido, mas não resistiu.

O dono do veículo morreu assim que deu entrada no HE

De acordo com a polícia, o bando era responsável por uma série de roubos que vinha acontecendo em várias cidades do Estado do Amapá. “Eram elementos de altíssima periculosidade. Temos a informação de vários vídeos de circuito de segurança de estabelecimentos comerciais que foram alvos dessa quadrilha. Eles agiam em Macapá, Santana e também em Mazagão”, acrescentou o capitão.

O dinheiro subtraído na ação pelos banidos e quatro armas de fogo, três revólveres e uma pistola, foram apresentados na delegacia.

Históricos de crimes

Os quatro bandidos envolvidos na ocorrência são donos de longas fichas criminais. Eles tinha como características em suas ações, o emprego da violência com as vítimas.

Ruan Rodrigues, conhecido como “Galo da Serra”, é acusado de dezenas de assaltos. O mesmo tinha passagens pelo Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), pelo crime de roubo. Ele teve participação em uma ação criminosa em fevereiro do ano passado, que terminou com a tomada de reféns dentro de um shopping na rodovia JK.

Ruan participou de um assalto com reféns em janeiro do ano passado em um Shopping na JK

Embora a pouca idade, o adolescente Zaqueu Vasconcelos era velho conhecido da polícia. Um de seus atos criminosos, ocorrido em maio de 2020, foi transmitido através de uma live pelas redes sociais. Na época, ele e os comparsas fizeram uma família de refém, dentro de uma casa no Distrito do Coração. No vídeo, o menor aparecia apontando uma arma de fogo para a cabeça de uma criança.

Já Patrick Alfaia era o dono do veículo.

O único sobrevivente da troca de tiros, que se encontra hospitalizado,  Táz, é tido pela polícia como um dos criminosos mais perigosos do Estado. Segundo informações, ele estava foragido da penitenciária.

Segunda viatura atingida pelos criminosos

Artigos relacionados

Um Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo