Covid-19Santana

Santana segue vacinação contra covid-19 e amplia imunização para pessoas que vivem com HIV

O município de Santana começou nesta quinta-feira, 29, a imunização contra a covid-19 em pessoas que vivem com o vírus HIV/Aids, acima de 18 anos de idade. O município tem conseguido avançar a vacinação de grupos prioritários, de forma a reduzir o número de casos graves e de óbitos.

Para receber a dose da vacina é necessário apresentar declaração nominal fornecida pelas unidades dispensadoras de medicamentos dos pacientes, ou receituários dos antirretrovirais, exames, relatório médico e prescrição médica como forma de comprovar a condição, além de documentos pessoais, cartão do SUS e comprovante de residência.

Paralelo a vacinação desse grupo o município também continua aplicando a primeira dose para idosos a partir de 60 anos sem comorbidades e para quem tem comorbidades pulmonares, cardíacas, renais, neurológicas, hipertensão arterial grave, a partir de 52 anos.

A população com 18 anos ou mais, com diabetes grave (em uso de insulina ou com retinopatia diabética), em tratamento oncológico, com obesidade mórbida (IMC a partir de 40), anemia falciforme, lúpus, cadeirantes e autistas (TEA), também já podem receber a vacina, a partir da comprovação por meio de laudo médico, atestado ou exames especializados.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo