Covid-19

Como anda a saúde mental do trabalhador em tempo de pandemia?

Faculdade realiza evento gratuito tendo como objetivo oferecer um espaço de acolhimento aos trabalhadores



O cenário de pandemia do Covid-19 trouxe novas preocupações com a saúde mental das pessoas em seus ambientes e rotinas de trabalho. O Relatório Tendências de Gestão em 2021, produzido pelo Great Place to Work (GPTW), apontou que o assunto “saúde mental” ficou em 5º lugar entre os principais temas de gestão a serem trabalhados no ano de 2021.
“A pandemia pela COVID-19 é a maior emergência de saúde pública que o mundo enfrenta em décadas. Além das preocupações quanto à saúde física, traz também preocupações quanto ao sofrimento psicológico que pode ser experienciado por trabalhadores brasileiros”. alerta a psicóloga e professora do curso de Psicologia da Faculdade Fama, Donnera Arianne Bernardes.
A especialista destaca as principais doenças acometidas na classe trabalhadora como ansiedade, estresse, síndrome de Burnout (ou desgaste profissional), depressão, dentre outras”. E como o trabalhador deve cuidar da saúde mental? De acordo com Arianne, o bem-estar humano é um processo multidimensional, ou seja, envolve saúde intelectual, social, emocional e física. “A partir disto, a psicologia ajuda as pessoas a desenvolver ou fortalecer recursos psicológicos de enfrentamento à pandemia, como um comportamento resiliente, não deixando de considerar os aspectos sociais, culturais e econômicos desse indivíduo”, detalha.
Saúde mental em foco
Para debater mais sobre a saúde mental neste tempo de pandemia, professores e alunos de Psicologia da Faculdade Fama realizam de forma gratuita rodas de conversa virtual tendo como objetivo oferecer um espaço de acolhimento, escuta qualificada e interação na modalidade remota. As reuniões ocorrem até o dia 15 de maio e de 24 a 29 do mesmo mês. Cada roda terá um tema específico: estresse, ansiedade, síndrome de Burnout (ou desgaste profissional), depressão, bem-estar e resiliência.
“Diante deste cenário, considera-se a importância de olharmos com sensibilidade aos trabalhadores e dar voz às suas angústias, medos, sofrimentos e incertezas, causados ou intensificados pela pandemia”, afirma a professora da Fama.
Ao total serão realizadas 12 rodas de conversa, de forma gratuita, abertas ao público, ou seja, a todos que desejarem participar, via videoconferências e chamadas de vídeo. Ao final, os participantes são convidados a responderem através de um link uma breve pesquisa para de avaliar a intervenção.
Para participar do evento é necessário se inscrever gratuitamente nos links para cada tema em discussão:
Tema: Estresse. Segunda-feira, 10/05/2021 às 19h00
Link da Roda de Conversa: encurtador.com.br/flCO4
Tema: Ansiedade. Terça-feira, 11/05/2021 às 19h00
Link da Roda de Conversa: encurtador.com.br/eDMV9
Tema: Bem-estar. Quarta-feira, 12/05/2021 às 19h00
Link da Roda de Conversa: encurtador.com.br/guPRU
Tema: Resiliência. Quinta-feira, 13/05/2021 às 18h00
Link da Roda de Conversa: encurtador.com.br/bfJ56
Tema: Síndrome de Burnout. Sexta-feira, 14/05/2021 às 19h00
Link da Roda de Conversa: encurtador.com.br/jpMQX
Tema: Depressão. Sábado, 15/05/2021 às 17h00
Link da Roda de Conversa: encurtador.com.br/azUW2

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo