Polícia

PC prende quadrilha que lucrou R$ 1 milhão com falsas vendas de lotes

A Polícia Civil do Estado do Amapá, através da 2° Delegacia de Polícia da Capital (DPC), deflagrou na manhã de hoje, 22, a Operação Camaleão. O objetivo é cumprir 10 mandados de prisão, em desfavor de uma organização criminosa que vem cometendo crimes de estelionato em Macapá. Segundo a polícia a a quadrilha pode ter lucrado R$ 1 milhão de reais com a venda de lotes.

De acordo com o apurado durante as investigações, os integrantes dessa quadrilha agem através de vendas fraudulentas de lotes e terrenos em várias regiões da capital amapaense. Ainda segundo informações da polícia, as vítimas são atraídas por meio de anúncios em redes sociais e aplicativos de compra e venda.

Elas realizam pagamentos acreditando estarem adquirindo bens e imóveis de forma lícita. Estima-se que pelo menos 27 pessoas tenham caído no golpe e os criminosos, utilizando nomes e documentos falsos, tenham auferido cerca de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) em vantagens ilícitas e transferências bancárias.

A ação, que é coordenada pelos Delegados Manoel Pacheco e Antônio Pedro, conta com o apoio de outras Delegacias da Capital, de Delegacias Especializadas, da Divisão de Capturas, da Delegacia de Vitória do Jari e do Núcleo de Apoio à Investigação do Baixo e Médio Amazonas em Santarém/PA.

Ainda no final da manhã de hoje, a Polícia Civil fará uma coletiva de imprensa, afim de detalhar sobre as prisões que ainda estão em curso.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo