Covid-19

Telemedicina: amanhã iniciam as primeiras consultas online com especialistas do Albert Einstein

Prosseguindo com a implantação do projeto de Telemedicina no Amapá, nesta segunda-feira, 26, técnicos do Hospital Albert Einstein iniciaram a segunda etapa da iniciativa, que é de instalação e capacitação. Os técnicos Bruna Amaral, enfermeira, e Gustavo Cunha, analista de sistema, foram recebidos pelo governador Waldez Góes, e a partir desta terça-feira, 27, estão reunindo presencialmente e virtualmente com profissionais que irão atuar nos municípios beneficiados. As capacitações iniciaram por Macapá e Porto Grande, e seguem para Santana, Oiapoque e Laranjal do Jari. As primeiras consultas online iniciam dia 28 de abril.

As capacitações já estão ocorrendo

Reunião técnica

Acompanhados pelo presidente do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Amapá (COSEMS/AP), Marcel Menezes, e do secretário de Saúde do Estado (SESA), Juan Mendes, os técnicos do Albert Einstein apresentaram o projeto ao governador Waldez Góes. Estiveram também presentes o superintendente do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI/AP), Roberto Wagner, a gerente estadual de Atenção Primária à Saúde, Nilma Pureza e Elen Farias, coordenadora Estadual de Políticas de Atenção Básica.

Durante a reunião, o governador Waldez Góes garantiu suporte do GEA para sua execução, e disse ser um entusiasta da iniciativa, que integra o projeto Telesaúde, desenvolvido pelo Ministério da Saúde (MS) em parceria com o Hospital Albert Einstein, e é financiado pelo Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS). O projeto oferecerá aos moradores, atendimento médico com especialistas do Albert Einstein, referência em medicina.

Telemedicina no Amapá

O projeto começou a ser implantado no mês de março e vai beneficiar inicialmente os municípios de Oiapoque, Macapá, Santana, Porto Grande e Laranjal do Jari, com atendimento online em sete especialidades: endocrinologia, neurologia, neurologia pediátrica, pneumologia, cardiologia, psiquiatria e reumatologia. Na primeira etapa, os secretários municipais de Saúde receberam 1 notebook Dell, 1 unidade de Webcam Logitech C920S 1080 e 1 unidade de Alto Falante Único, montado com fio Jabra.

No Amapá, a Secretaria de Estado da Saúde (SESA) coordena o projeto com apoio do COSEMS/AP, que está atuando diretamente com os apoiadores técnicos e intermediando os diálogos entre as instituições envolvidas. Os atendimentos serão feitos nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), onde os equipamentos serão instalados. O morador que precisar de atendimento será atendido na UBS pelo médico local, que irá intermediar a consulta com o especialista.

As capacitações e instalações dos equipamentos iniciaram por Macapá e Porto Grande, dia 28 os técnicos estarão nos municípios de Oiapoque e Laranjal do Jari. Ainda nesta quarta-feira serão realizadas as primeiras consultas online nos municípios que já receberam os treinamentos.

Para Marcel Menezes, a Telemedicina dá início a um novo e necessário modelo de atendimento de grande importância neste momento. “Sabemos que durante a pandemia as consultas especializadas ficaram prejudicadas pela escassez destes profissionais, principalmente nos municípios, aumento da demanda no Hospital de Especialidades Alberto Lima, pela alta nos de casos da COVID-19, e até receio de ir presencialmente em uma unidade de saúde, por isso este atendimento online é de suma importância para os moradores dos municípios distantes da capital”.

O presidente informou ainda que há interesse em expandir este projeto para outros municípios amapaenses.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo