Polícia

Empresário é indiciado por assassinato. Possível motivo: latidos de cachorro.

A Polícia Civil indiciou o principal suspeito de ter assassinado Hernandes Machado, 46 anos, encontrado morto em seu apartamento, no dia 21 de janeiro. O comerciante Raimundo Cleberson Pereira se apresentou à Polícia Civil e entregou na ultima segunda-feira, 25, a arma que teria usado no crime.

O acusado é dono de uma padaria que fica ao lado da casa da vítima. Na tarde desta quarta-feira, 27, amigos e familiares de Hernandes fizeram um protesto no local que resultou na depredação do estabelecimento.

[metaslider id=1439 cssclass=””]

Em depoimento, Raimundo contou que o crime teria sido motivado pelos latidos de seus cachorros que ficam nos fundos da padaria. Ele ainda contou que no dia do crime a vitima teria discutido e agredido sua mulher no momento em que ela colocava comida para os cães. Em reação ele teria efetuado três disparos para dentro da casa da vitima.

O delegado Wellington Ferraz, que ouviu o acusado, disse que não se pode descartar a hipótese de crime premeditado pela presença de inconsistências em alguns pontos do depoimento, e falta de provas da agressão que ele afirma que a esposa teria sofrido.

Por conta de inconsistências no depoimento do acusado a PC pediu a prisão preventiva do acusado, no entanto foi negado pela justiça, sendo concedido somente a busca e apreensão na residência e na padaria de Raimundo.

Para lembrar o crime clique aqui!

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo