Beleza e Comportamento

Estudante de Letras da Unifap é a nova Miss Universo Amapá

A universitária Andreina Pereira, representante do município de Santana, é a nova Miss Universo Amapá 2021, eleita no último sábado, na Associação Atlética Banco do Brasil (AABB). O segundo lugar ficou com a representante da capital Macapá, Juliana Gurjão, e o terceiro lugar ficou com Sthefany Amorim, representando Oiapoque. 

A Miss Universo Amapá Andreina tem 21 anos e é acadêmica do curso de Letras e Espanhol da Universidade Federal do Amapá (Unifap). Sua beleza, inteligência, desenvoltura, carisma, comunicação e oratória conquistaram os jurados, critérios obrigatórios do concurso. 

As finalistas passaram por uma avaliação técnica da Diretora do Miss Universo Brasil, Aretha Procópio, porque este ano foi feita por meio de uma seletiva, pois, devido à pandemia, não foi possível realizar o evento com grande dimensão no Ceta Ecotel, como aconteceu em todos os anos anteriores. 

Da esquerda para a direita Andreina Pereira, a 3 colocada Sthefany Amorim e a 2 colocada Juliana Gurjão

Para a coordenadora do evento, Enyellen Sales, o miss Universo Amapá, a cada ano, promove ainda mais a beleza amapaense e eleva positivamente o nome do estado em âmbito nacional. “Em 2014, tivemos pela primeira vez na história do concurso Miss Universo Brasil a representante do Amapá no top 5 do Miss Brasil e queremos repetir esse feito com a nossa Miss Universo Amapá 2021. Estamos confiantes que ela trará um bom resultado para o estado. Este ano, devido à pandemia, não foi possível realizar o grandioso evento que a sociedade amapaense estava acostumada a prestigiar, porém, ano que vem o concurso será realizado da forma que sempre foi em anos anteriores antes da pandemia”, destacou Enyellen. 

Andreina estará indo para São Paulo, onde embarcará em um navio no dia 03 de novembro, no Porto de Santos, onde acontecerá o concurso Miss Universo Brasil, com a final no dia 7 de novembro. “O concurso Miss Universo Brasil acontecerá dentro do navio com transmissão da viagem e da final, devido ao período da pandemia, respeitando todo o protocolo de segurança e saúde. Estaremos todos torcendo pela nossa Andreina”, explica a coordenadora Enyellen.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo